4 de fevereiro de 2009

um dia

Um dia vou ser uma menina crescida. Vou conseguir ter conversas sérias sem que as lágrimas corram descontroladamente pela cara abaixo. Sem que o sabor do sal se enrole na língua. Vou falar sem que me trema a voz. Sem perder as forças. Um dia vou deixar de agir apenas com o coração. Vou ser racional em cada um dos meus poros. Um dia não vou deixar que me magoem as coisas sem importância. Vou ver sempre o lado mais brilhante do quadro mais negro. Vou acreditar em mim na certeza que valho muito mais do que penso. Coragem deixará de ser uma palavra com significado prático. Um dia as lágrimas vão secar e eu vou ser uma menina crescida.

3 comentários:

Lady disse...

as meninas crescidas também choram

Anónimo disse...

Desde quando é que chorar deixou de ser uma coisa normal, mulher? Sabes que as pessoas gostam de ti como és, não sabes? Não tenhas vergonha das fragilidades - não há ninguém que não as tenha.
DD

Lady disse...

E as tuas [fragilidades], ainda por cima, são lindas.